Como atuar na área de odontologia clínica

A clínica geral, para os odontologistas – odontologia clínica, também é uma excelente opção de atuação no ramo. Sua atuação envolve lidar com o atendimento básico e inúmeras patologias do sistema estomatognático.

Por ter como característica principal de sua função o atendimento primário não se faz necessário uma pós-graduação ou curso de especialização específico. Mas vale ressaltar que toda forma de aprimorar conhecimento é muito bem-vinda no dia-a-dia de um dentista.

Pois, apesar de ser considerado atendimento primário a função de um ortodontista clínico não é nada simples. Seu trabalho é primordial para a resolução de problemas e educação preventiva dos pacientes.

Podemos dizer que o dentista que escolher seguir esse caminho profissional terá suas consultas voltadas para as orientações sobre a correta higiene bucal, a limpeza (profilaxia) e remoção de cáries, os ajustes e polimentos de restaurações, atendimentos de urgência, as pequenas restaurações, raspagem de tártaro e aplicação de flúor.

O dentista clínico pode atuar tanto no setor privado com seu consultório, atendimentos particulares e/ou de planos odontológicos, também em empresas (atendendo funcionários e coordenando programas de prevenção) e/ou no setor público com atendimentos em UPAS, postos de saúde e Estratégia Saúde da Família (ESF).

A odontologia clínica pode se segmentar em tratamentos mais específicos, mas que no caso exigirão do profissional uma especialização, como a odontopediatria, ortodontia, endodontia e odonto geriatria.

A área é a escolha de inúmeros profissionais no começo da carreira e acaba conquistando o coração de muitos com o passar dos atendimentos. Não descarte essa opção, pois ela pode te cativar.

 

Gostou do artigo e quer receber mais conteúdo como esse? Cadastre seu e-mail:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com