A importância de cumprir com o contrato odontológico com seu paciente

Já conversamos por aqui e sabemos que a maioria dos profissionais usam contratos de prestação de serviço como um documento oficial que resguarda qualquer falha ou abandono do paciente. Mas é importante salientar que esses contratos também podem impactar o profissional.

Alguns profissionais têm a ideia de que apenas a explicação verbal sobre o procedimento já seja eficaz e suficiente para dar prosseguimento ao atendimento sem maiores complicações. Mas é exatamente o oposto, apesar de a comunicação com o paciente se fazer necessária, ela não deve ser a única forma de acordo entre profissional e paciente.

Afinal o paciente pode questionar e se sentir lesado, durante ou pós tratamento e reivindicar seus direitos perante a justiça, a qual tem como premissa defender a parte mais fraca, que nesse caso é considerado o paciente. Sem um contrato com todas as diretrizes escritas e devidamente assinado ficará difícil para você se defender.

Além de amenizar brigas sobre o entendimento de uma palavra dita, esse tipo de documento, também, é uma forma de o odontologista mostrar o quanto é sério e respeita sua relação comercial com o paciente. Seria algo próximo ao dizer: “Faremos isso aqui e você pode ter certeza de que tudo será entregue da melhor forma possível”.

Dessa forma você traz mais seriedade e confiança para a sua marca, desde que, se cumpra exatamente o que está descrito no contrato. Por tanto, nesse documento não invente termos ou situações desnecessárias. Procure sempre um profissional da área legal para auxiliá-lo nos termos que deverão conter seu contrato e seja honesto a todo o momento.

Você também pode se interessar:

10 erros que impedem sua clínica de crescer

Como se resguardar em caso de abandono de tratamento odontológico? 

Quer receber mais conteúdos como esse? Cadastre-se agora:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com